Ir para o conteúdo Ir para a barra lateral Ir para o rodapé

Tendências do Mercado Imobiliário 2022

Praticamente todos os setores da economia sofreram com o isolamento social, o que fez o mundo experimentar perdas consideráveis, mas também se deparasse com grandes oportunidades.

Para conhecer quais as principais perspectivas e tendências para o setor imobiliário em 2022, continue sua leitura e saiba mais.

Imóveis com ambiente de Home Office

Imóveis com ambientes de home office estão entre as tendências que chegaram para ficar no mercado imobiliário em 2022. As exigências de muitos governos locais em termos de isolamento e distanciamento social fizeram com que muitas pessoas começassem a trabalhar de casa e isso deve se manter por muitas delas.

Os benefícios são muitos e incluem redução de gastos, maior qualidade de vida, economia de tempo, comodidade e flexibilidade.

Aumento na taxa Selic

Você já deve ter ouvido falar muito sobre a Selic, não é mesmo? Ela é a taxa básica da nossa economia e usada para fazer referência aos principais juros cobrados no nosso país. Assim, acontece com o mercado imobiliário, especialmente nos financiamentos bancários para a compra de imóveis.

Com as atuais altas da inflação, oscilações políticas e as incertezas fiscais que vem acontecendo, é muito provável que a Selic retorne a casa dos dois dígitos neste novo ano. Mesmo sendo um cenário interessante para alguns investidores, quem tem o sonho de adquirir um imóvel não deve perder tempo.

Maior utilização de tecnologia digital

Não é novidade que nos últimos tempos o uso de tecnologias remotas foram incluídas nos trâmites tradicionais de compra, venda e locação.

Se antes era necessário se deslocar até uma imobiliária para começar o relacionamento, com a pandemia esse conceito ganhou nova roupagem. O afastamento social permitiu que os profissionais fizessem atendimentos on-line e de qualidade, permitindo que os interessados encontrassem o imóvel dos seus sonhos de outra forma.

Assim, a tendência é que se amplie a disponibilidade de mais opções de imóveis em sites, tornando ainda mais importante a necessidade de manter um portfólio digitalizado e de fácil acesso.

A assinatura digital, por exemplo, favorece a resolução de umas das principais reclamações no setor, que é a burocracia e a necessidade de enfrentar filas demoradas em Cartórios locais. Até mesmo as idas à imobiliária são reduzidas, pois é possível enviar contratos e resolver muitas coisas, sem mesmo sair de casa.

Mais harmonia com a sustentabilidade

Um dos temas mais debatidos na sociedade, mesmo antes da pandemia, está relacionado com os impactos que as pessoas e empresas têm no meio ambiente. A sustentabilidade já era uma imposição para muitas pessoas e, com os recentes eventos, não dá para postergar mais a adoção de medidas que reduzam os danos causados à natureza.

Imóveis que investem na automação também ganharam destaque. Afinal, é outra possibilidade que traz redução de consumo, e oferece aos moradores mais segurança, mais praticidade para o cotidiano e a possibilidade de ações inteligentes.

O padrão de consumo alterou-se significativamente nos últimos anos e não se adaptar pode trazer inúmeros prejuízos, uma vez em que as pessoas buscam por outros tipos de imóveis e que o relacionamento entre as partes seja de forma rápida e menos burocrática.

Conhecer as tendências para o mercado imobiliário em 2022 e analisar mudanças permitirá ações mais estratégicas. O setor imobiliário promete ser bastante movimentado e será palco de muitas oportunidades de negócio para quem tiver uma visão atenta.

Gostou de conhecer quais são as principais perspectivas para o ano que acabou de começar? Então aproveite para conhecer em nosso site os empreendimentos que fazem parte desta tendência.

Fazer um comentário

Enviar
Precisa de Ajuda?